Canais de Venda do Marketing Digital

Quais são os principais canais de venda do marketing digital?

Os métodos tradicionais que eram eficazes antes podem não ser tão eficazes neste mercado atual alimentado pelas complexidades e vasta riqueza de oportunidades via a Internet; a sua marca e seu negócio precisam estabelecer uma presença on-line muito forte para serem competitivos o suficiente para alcançar públicos-alvo.


Marketplace. São plataformas virtuais que permitem que vários anunciantes se cadastrem e comercializem seus produtos e serviços através delas; permite aumentar a visibilidade, escalabilidade (aumentar a receita de venda em maior proporção do que os custos), a credibilidade aos olhos do consumidor;  esse tipo de canal permite o cliente se concentrar no seu core business e não se preocupar com questões técnicas; em contrapartida, a empresa precisa estar em conformidade com as regras do marketplace, a demanda que será gerada e redução do poder da marca.


E-commerce ou loja on line para a venda de  produtos de uma única empresa; esse tipo de canal permite liberdade de navegação e personalização do site, como formas de pagamento, exibição de produtos e manutenção da divulgação; em contrapartida, depreende muito mais esforços para gerenciar e conseguir escalar o negócio.


Programas de afiliados. É um canal usado para promover produtos e serviços via sites, blogs e redes sociais de terceiros em troca de comissões; é indicado para quem tem um produto digital poder vender mais, sem necessariamente entender sobre divulgação e obter baixo investimento.


Google Adwords.

É uma plataforma de publicidade on line; proporciona que os anunciantes atinjam seu público ideal e que os usuários sejam impactados apenas por anúncios que são relevantes para o que eles procuram; não é apenas um canal para quem quer vender produtos, mas gerar tráfego para seu site e fazer sua marca ser conhecida

Existem duas formas de anunciar no Google Adwords: REDE DE PESQUISA  e REDE de ANÚNCIO; a rede de pesquisa exibe anúncios de texto quando o usuário busca por um termo referente a seu anúncio; os mecanismos de busca do Google calculam através de uma análise qual anúncio será exibido e a posição que se encontrará a cada nova busca realizada; os anúncios patrocinados aparecem acima da busca orgânica e têm o indicativo “Anúncio” do lado do link da página; A rede de anúncios conta com mais de dois milhões de sites parceiros para que seus anúncios de imagem sejam exibidos em áreas estratégicas desses sites. Eles podem ser portais de notícia, blogs e outros sites especializados; além disso, permite criar anúncios em vídeo para serem exibidos no YouTube e em sites parceiros de vídeo; possíveis desvantagens são: a grande quantidade de campanhas que são feitas no Google, pode se tornar uma barreira para empresas; a estratégia de custo por clique (CPC), que por exemplo, pode acontecer de usuários clicarem no anúncio, visitarem o site, mas não realizarem a compra.


Google Shopping. Envolve o Google Adwords, mas é uma estratégia diferente – exibe produtos que estão à venda no mercado online (e disponíveis como anúncios no Adwords) seguidos do nome do produto, preço e loja. É uma ótima maneira de alavancar as vendas de lojistas.

Redes Sociais. As redes sociais não só são ambientes de relacionamento e entretenimento, como também são ótimas ferramentas de negócios. Elas vêm mostrando resultados significativos de sucesso em vendas para várias empresas que as utilizam.

No Facebook, você pode criar páginas para sua empresa; é possível colocar a descrição de seu negócio, integrar o site, criar botão de  call to action, administrar interações, publicar sobre o seu empreendimento, impulsionar suas publicações e fazer anúncios; além disso, o Facebook possui seu próprio Marketplace dentro da plataforma, que permite que pessoas vendam e comprem itens. Mas ele não disponibiliza plataforma de pagamento, esse acordo deve ser feito entre o anunciante e o comprador.

Já no Instagram, você pode criar um perfil para empresas, que vai proporcionar que você tenha informações sobre seguidores e métricas, adicione seu site e outros contatos, promova posts e anuncie produtos. Muitas empresas, mesmo sem possuir site e ponto de venda, conseguem promover seus produtos e serviços por essas redes e demonstram sucesso significativo em vendas. Sem contar que, bem provavelmente, grande parte de sua audiência se encontra nesses canais. Então, é super recomendável manter presença neles, mesmo que não façam parte da sua estratégia principal. Deve-se estar atento às recomendações dessas redes e estudar bem sobre marketing digital para conseguir utilizá-las efetivamente e obter bons resultados para seu empreendimento.

 

 

Os comentários estão fechados.

Navegação pelos artigos