Olhar

Qual a importância do olhar para a Conexão Emocional?

O olhar é a observação visual que é feita de alguma coisa; é muito mais do que ver.

 

  • O olhar tem vários significados – enxergar, encarar, analisar, consultar, tomar conta, voltar-se, perspectiva, são os mais frequentes.
  • Pode expressar raiva, tristeza, dor, amor, proteção, consolo, e uma grande variedade de emoções e sentimentos.
  • Está mais relacionado com a personalidade, emoção e sentimento do que com o físico.
  • Expressa a personalidade, o caráter de uma pessoa e qual é a diferença do resto.
  • Nas obras de arte e pintura, o olhar é considerado um dos mais difíceis de representar.

O Olhar é fundamental para o Rapport

O Olhar tem influência direta na comunicação – você parecerá um ouvinte melhor, será um orador mais eficiente e terá uma presença mais cativante.

Quando estamos conversando com alguém, o contato visual é um dos elementos mais importantes da comunicação.

Olhar nos olhos da pessoa transmite seriedade e interesse no diálogo.

Reflexões sobre o Olhar

Reflexão significa o ato mental de analisar um comportamento, examinar as coisas que ocorrem ao seu redor, inclusive a vida; é pensar em suas atitudes no dia a dia, o que elas causam a si e aos outros.

Versos sobre o olhar

  • O olhar é como uma lâmpada que ilumina todo o nosso corpo.
  • Transmite o que se passa na essência, mesmo quando se diz o contrário.
  • O olhar atento é mais difícil do que parece: requer disponibilidade, cuidado, interesse.
  • É um exercício, como é a respiração, de estarmos mais presentes, sermos empáticos e aprofundar as relações.
  • O olhar é capaz de criar uma forte conexão entre duas pessoas.
  • É um sinal explícito de compartilhar o instante.
  • Quando estamos conversando com alguém que nos evita encarar, emerge a sensação de distanciamento ou dispersão.
  • O olhar emite pistas sobre quem somos e como estamos; deixa à mostra até o que não queremos mostrar.
  • Quando atento, dispensa a necessidade de muitos vocábulos e frases.
  • Estimula que o outro o veja diferente.
  • O que mais precisamos é sermos olhados. Se não, não existimos.
  • O olhar cria o campo das perguntas.
  • Abre brechas para a empatia.
  • O olhar … pode ser um convite!

 


Exercício “Reflexão sobre o Olhar”

Descrição. 1) Escolha uma frase acima sobre o olhar e 2) Faça a pergunta “Por que?” e 3) na sequência “Responder a Pergunta”.

Duração mínima. 1 minuto.

Dinâmica. Individual e em grupo.

Resultado esperado. Refletir sobre a importância do olhar.


Frases famosas

  1. Os olhos são a janela da alma e o espelho do mundo  (Leonardo da Vinci).
  2. O primeiro método para estimar a inteligência de um governante é olhar para os homens que tem à sua volta.(Maquiavel).
  3. Sua visão se tornará clara somente quando você olhar para dentro do seu coração. Quem olha para fora, sonha. Quem olha para dentro, acorda (Carl Jung).
  4. Deveríamos olhar demoradamente para nós próprios antes de pensarmos em julgar os outros. (Molière)
  5. O sábio pode descobrir o mundo sem transpor a sua porta. Vê sem olhar, realiza sem agir. (Lao-Tsé).
  6. O olhar indiferente é um perpétuo adeus. (Malcolm Chazal).
  7.  Quem não compreende um olhar, tampouco compreenderá uma longa explicação. (Provérbio Árabe).


Exercício “Sua frase sobre o Olhar”

Descrição. Escreva uma frase de sua autoria sobre o olhar e acrescente a lista

Duração mínima. 1 minuto.

Dinâmica. Individual e em grupo.

Resultado esperado. Refletir sobre o seu olhar.


 É necessário manter o “olho no olho” numa conversa o tempo todo?

Não! Quebrar o contato visual pode ser uma maneira de poupar embaraços sociais e também evitar que nosso cérebro se sobrecarregue de informações.

Por mais que o olhar seja importante para a conexão emocional, é difícil manter o “olho no olho” por muito tempo e há diversos motivos para a quebra do contato visual:

  • Pode ficar estranho encarar o outro por longos períodos.
  • A conversa pode estar chata, e a quebra do contato visual é uma válvula de escape, um indicador de que estamos entediados.
  • Muitas pessoas se sentem desconfortáveis em encarar outras, por simples timidez.
  • O processamento verbal e o contato visual compartilham determinados processos mentais e  às vezes precisamos ‘desligar’ uma dessas funções para que a outra funcione melhor; manter funções cognitivas intensas ao mesmo tempo pode exigir demais do nosso cérebro.
  • Para salvar capacidade de processamento, o cérebro instintivamente faz com que paremos com o contato visual.

 

Quais são os estilos de olhar mais frequentes?

Existem vários estilos de olhar, com várias interpretações:

  • Olhares fixos. Aquele olhar que nos atravessa. Ocasionalmente, esse estilo é usado como um “truque de poder” para intimidar ou “dar a impressão” de confiança.

 

  • Olhar de relance. Olhar muito breve, que pode ser causado por um estilo pessoal de pensamento, já que muitos desviam o olhar, ou até mesmo fecham os olhos por um momento, para pensarem sobre o que estão dizendo.

 

  • Olhar periférico. É o estilo com pouco contato visual , que olha além de você, comum nas pessoas que moram no interior e áreas rurais; que mantém um afastamento um do outro;  geralmente é um comportamento aprendido e não uma estratégia de pensamento e posicionamento frente ao outro; pode estar relacionado a normas culturais ou religiosas.

 

  • Olhar dinâmico. Estilo mais comum; olhar atento ao escutar, desviar o olhar ocasionalmente para evitar ou criar tensão; olhar com firmeza para indicar a vez de falar,  desviar para pensar e sentir. etc.

 

Essa breve lista de tipos de olhar pode ser usada como referência rápida, para ajudar você entender (saber como funciona), aprender (saber aplicar no seu dia a dia), facilitar identificar olhares e estados mentais das outras pessoas, refinar a forma de olhar e estabelecer contatos visuais e desenvolver rapport.

Nunca seremos iguais, mas sempre semelhantes e com diferenças.

Espelhamento e Condução do Olhar

O que é um bom contato visual?

  • Uma resposta para essa pergunta pode ser: “Um bom contato visual é aquele que cria e mantém uma conexão emocional prazerosa com outra pessoa”.
  • Ou seja, não existe um estilo padrão e universal de contato visual.

Uma boa prática é  buscar semelhanças no olhar, via espelhamento e condução, para obter o rapport (conexão emocional); cada pessoa tem um estilo de olhar, que varia de acordo com o seu conhecimento das situações e experiências.

  • Se você está diante de uma pessoa com “olhar fixo”, dedique mais tempo ao olhar do que normalmente faz, sem competir em conseguir mais tempo, nem deixar de ser o que você é; trata-se de alinhar, sintonizar, espelhar e harmonizar o olhar e a linguagem corporal com a outra pessoa.
  • Por exemplo, ao escutar demonstre isso com um olhar contínuo  e acrescente gestos corporais e verbais, como se estivesse dizendo, fale mais sobre isso, tenho interesse em escutá-lo, percebi o que foi dito, e assim por diante.
  • Se a pessoa tem um estilo mais para “olhar de relance”, você pode buscar o espelhamento e condução usando uma outra estratégia, já que fazer um contato visual constante (olhar fixo) provavelmente será percebido como agressivo ou mesmo intimidativo, um olhar para longe ou para uma mesma paisagem, pode ser uma boa forma de espelhamento e condução, mais agradável e confortável.

Não existe regra de bolo para o olhar, mas existe teoria e prática!

 

Saiba mais. Espelhamento e Condução


Check List para olhar as pessoas nos olhos.

Treinar para se lembrar de fazer contato visual

Em grande medida, a capacidade de manter o contato visual reside em saber que ele é necessário.

Estabelecer um bom contato visual

É um aspecto difícil, porém essencial, da comunicação. Para aprimorar sua habilidade de olhar as pessoas nos olhos e passar a impressão certa, você pode praticar o contato visual tanto sozinho como em conversas.

Ficar o mais relaxado possível

Como acontece em qualquer atividade, quanto mais se pensa sobre ela, maior a ansiedade e o constrangimento. Tal nervosismo pode ser erroneamente interpretado como desonestidade, fazendo com que você perca o progresso que atingiu.

Focar em um único olho

Na realidade, é bem difícil manter o olhar fixo nos dois olhos da outra pessoa. O mais comum é focar apenas um deles ou um ponto fixo do rosto em vez de ambos de uma vez; Se ajudar, tente alternar o olhar entre um olho e outro em vez de fixar apenas um; passe dez segundos, ou algo assim, olhando para um, depois olhe para o outro.

Encontrar um ponto próximo para fixar o olhar

Olhar para o dorso do nariz, uma sobrancelha ou para a região abaixo dos olhos cria a ilusão de contato visual sem gerar a ansiedade que o verdadeiro contato visual traz; a outra pessoa será incapaz de notar a diferença, e você poderá se concentrar melhor no que o interlocutor diz e nas habilidades necessárias para ser um bom debatedor.

Balançar a cabeça ou fazer outros gestos enquanto ouve

Será preciso interromper o contato visual de vez em quando, e fazer algum tipo de gesto o ajudará a disfarçar isso sem causar desconforto. Risadas, acenos de cabeça e sorrisos são boas oportunidades para se desviar o olhar. Assim, você parecerá natural e confortável, ao mesmo tempo em que terá uma oportunidade para fazer uma tão necessária pausa do contato visual.

Manter os olhos focados ao falar e ouvir

Uma coisa é fixar os olhos ao ouvir o interlocutor, mas é mais difícil manter o contato quando se está pensando no que responder. Não tenha medo de interromper o contato ocasionalmente, porém tentando manter face e olhos virados para a frente enquanto você fala. Olhar para cima ao falar pode sugerir que você está mentindo, ao passo que olhar para baixo pode ser interpretado como um sinal de confusão. Por isso, o melhor é olhar para a frente, ainda que se sinta desconfortável e não consiga manter o contato visual por muito tempo. Olhe para a orelha ou o queixo da outra pessoa — em suma, para qualquer lugar que não seja para baixo ou para cima.

O Olhar é a observação visual de alguma coisa; é muito mais do que ver.

É fundamental para o Rapport.

É como uma lâmpada que ilumina todo o nosso corpo e ajuda a conectar com as outras pessoas.

O olhar atento é capaz de criar fortes conexões e relacionamentos.

A forma de olhar revela o que as pessoas, pensam, sentem e desejam.

O olhar cria curiosidade e campo de perguntas, fala muito sem dizer nada e ajuda muito na comunicação.

Use as seguintes dicas para desenvolver o seu contato visual:

  1. Exercitar o contato visual individualmente (em frente a um espelho), nos seus contatos e relacionamentos.
  2. Buscar estabelecer um bom contato visual logo para estabelecer e intensificar a conexão emocional com as pessoas.
  3. Usar técnicas de espelhamento e condução para aumentar a intensidade da conexão emocional.
  4. Ficar o mais relaxado possível e harmonizar a sua respiração com o seu olhar.
  5. Manter o olhar dinâmico e não fixar o olhar; focar em um olho de cada vez e partes do rosto da outra pessoa.
  6. Compor o olhar com a  sua linguagem corporal como todo, de “forma consciente”.
  7. Manter os olhos focados ao falar e ouvir para revelar confiança e atenção.

Palavras chaves. Olhar, rapport, conexão emocional, ouvir, compartilhar, empatia, proximidade, atenção, perguntar, convite, janela da alma, perceber, visão, contato visual

Teste seu conhecimento sobre o olhar.

  1. O que é o Olhar?
  2. Qual a importância do olhar para a conexão emocional?
  3. Por que o olhar pode ser considerado como uma lâmpada que ilumina todo o seu corpo?
  4. O que é necessário para mantermos um olhar atento?
  5. Quais os efeitos se mantivermos um olhar atento além do tempo que a outra pessoa espera?
  6. Qual o efeito quando falamos e olhamos firmes para a outra pessoa?
  7. Qual o efeito quando falamos sem olhar para a pessoa?
  8. Por que o olhar atento dispensa a necessidade de muitos vocábulos e frases?
  9. Por que quando olhamos mais atentamente para outra pessoa a estimulamos a perguntar?
  10. Explique essa frase: “O olhar abre brechas para a empatia”.
  11. Por que o olhar atento é um convite à conexão?
  12. É necessário manter contato visual com a outra pessoa durante toda a conversa?
  13. Quais são os estilos de olhar mais frequentes no seu dia a dia?
  14. Como você interpreta uma pessoa que olha para você fixamente?
  15. Como você interpreta uma pessoa que olha para você de relance?
  16. Como você interpreta uma pessoa que olha para você perifericamente?
  17. Como você interpreta uma pessoa que olha para você de forma dinâmica, expresando várias formas de olhar?
  18. O que é ter um bom contato visual?
  19. Quais são os fundamentos para você espelhar e conduzir contatos visuais?
  20. Por que o nosso cérebro tem dificuldades em manter um contato visual ininterrupto durante uma conversa?
  21. Quais são exemplos de causa de quebra de contato visual durante uma conversa?
  22. Como exercitar a habilidade de “estabelecer contato visual” com outras pessoas?

Saiba mais. Rapport, Escutar, Sorri, EmpatiaInteligência Emocional.

 

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Navegação pelos artigos