Componentes da Telefonia IP

Quais os principais componentes da Telefonia IP?

Os conceitos gerais da comunicação de voz no ambiente IP não são muito diferentes daqueles utilizados na telefonia convencional. Existem funções de controle de chamadas (estabelecimento e finalização de chamadas), funções de endereçamento e encaminhamento de chamadas, equipamentos para prover o acesso de terminais e de entroncamento entre redes.


Softswitches. 
Conhecido como Call Agent, Media Gateway Controller (MGC), ou Gatekeeper, dependendo da arquitetura de sinalização de VoIP. Representa a inteligência da rede de Telefonia IP. Implementa todas as sinalizações e controles de chamada.

Media Gateway (MGW). Provê interoperabilidade entre redes IP e Redes/equipamentos não IP. Pode ser de dois tipos: de acesso (para conectar telefone ou PABX) ou de entroncamentos para interconexão com a Rede de Telefonia Pública.

Terminais IP. São telefones digitais, normalmente equipados com protocolo SIP.

Protocolos de sinalização. Para estabelecer as regras de comunicação para a comunicação de voz no ambiente IP, existem três alternativas:

  • H323. Conjunto de protocolos não proprietários para a transmissão de todo tipo de tráfego multimídia de uma rede IP (VoIP, dados, vídeo, colaborativos). Estabelece padrões para a codificação e decodificação de áudio e vídeo garantindo interoperabilidade entre fabricantes.
  • SIP. (Session Initiation Protocol) é um padrão introduzido para o transporte de Voz sobre IP. Assim como o H.323, têm o mesmo objetivo de convergir voz e aplicativos multimídia.
  • MGCP. (Media Gateway Control Protocol) padrão proposto para integração com o mesmo objetivo do SIP e H323 em redes VoIP.

Até logo!

Os comentários estão fechados.

Navegação pelos artigos