PaaS – Azure da Microsoftware

Como o Azure implementa o datacenter na nuvem?

Os serviços Azure e Serviços On-line são plataformas de PaaS e SaaS, respectivamente,  na nuvem da Microsoft. O Windows Azure é o sistema operacional, o SQL Azure é uma versão baseada em nuvem do SQL Server. Já o AzureAppFabric (formalmente os serviços.NET) é uma coleção de serviços para aplicações em nuvem.

O Windows Azure tem três componentes principais:

  • Computação: proporciona um ambiente de computação.
  • Armazenamento: para armazenamento escalável.
  • Controlador – implanta, gerencia e monitora aplicações. Interliga nós que consistem de servidores, conexões de alta velocidade, e switches.

Outros componentes da Plataforma PaaS são:

  • Content Delivery Network (CDN): mantém cópias de cache de dados para acelerar cálculos.
  • O subsistema Connect: suporta conexões IP entre os usuários e suas aplicações em execução no Windows Azure.
  • A interface API: para o Windows Azure é construída sobre REST, HTTP e XML.
  • Cinco serviços: Live Services, SQL Azure, AppFabric, SharePointDynamics CRM.
  • Biblioteca e ferramentas: para o desenvolvimento de aplicativos em nuvem.

O Windows Azure é uma plataforma da Microsoft que os desenvolvedores podem usar para mover suas aplicações para a nuvem:

  • Diferentemente de suportar apenas uma página em HTML, que requer apenas a presença de um servidor web, o Windows Azure fornece suporte de sistema operacional para aplicações e um servidor SQL baseado em cloud (SQL Azure).
  • O Windows Azure pode ser imaginado como um datacenter baseado na cloud dentro do qual os desenvolvedores podem hospedar suas aplicações.
  • A plataforma Windows Azure, mantem servidores, sistemas operacionais, software de base de dados, e outras aplicações de suporte.
  • À medida que a aplicação do desenvolvedor cresce em termos de usuários, demanda de processador, ou armazenamento de disco, o ambiente do Windows Azure cresce para atender as necessidades dos desenvolvedores.

Desta forma a plataforma Windows Azure fornece o seguintes benefícios:

  • Escalabilidade – a capacidade de processador e memória pode ser escalada para cima e para baixo.
  • Redundância  – é fornecida redundância de servidor, disco e rede.
  • Benefícios de custo pelo grupamento de recursos, – o recurso é compartilhado entre várias empresas que redunda em reduções de custo para cada empresa.
  • Baixo custo de entrada – para realizar a solução baseada em nuvem, as empresas não precisam investir no datacenter próprio.

 

Os comentários estão fechados.

Navegação pelos artigos